Auxílio Emergencial: Beneficiários de todos os lotes recebem hoje

0

Pagamentos serão feitos tanto para beneficiários do Bolsa Família quanto para participantes dos cinco lotes já liberados do auxílio emergencial. Enquanto o calendário do Bolsa Família segue o NIS (Número de Integração Social), o calendário do auxílio emergencial paga conforme o mês de nascimento, sendo a vez dos aniversariantes de março receberem, nesta quarta, 29.

A Caixa Econômica Federal (CEF) paga nesta quarta, 19, benefícios sociais para um total de 5,8 milhões de beneficiários, soma que tem grupos do Bolsa Família e participantes de todos os lotes do auxílio.

Pagamento Auxílio Emergencial – Nascidos em março

Um total de 3,9 milhões de beneficiários do auxílio emergencial, cadastrados via site/app ou cadastro único, recebem diferentes parcelas. O pagamento desta quarta, 29, é exclusivo para nascidos em março.

Os aprovados do lote 1, vão para a 4ª parcela, acompanhando o pagamento do Bolsa Família. Os participantes do lote 2 recebem a 3ª parcela, enquanto os aprovados no terceiro e quarto lotes recebem a 2ª parcela. Por fim, os aprovados no quinto (e até agora último) lote recebem a primeira parcela do auxílio emergencial.

Todos os créditos serão feitos na Poupança Social, via aplicativo Caixa Tem. Inicialmente, apenas operações digitais podem ser feitas, como o pagamento de boletos e transações no cartão de débito virtual. Para sacar e(ou) transferir, este grupo terá a liberação no dia 1° de agosto.

Pagamento março auxilio emergencial
É a vez dos nascidos em março receberem novas parcelas do auxílio emergencial

Pagamento do Bolsa Família

Hoje recebem os beneficiários com o final do NIS 8, sendo que amanhã, 30, recebem os finais 9 e na sexta, 31, o último grupo do Bolsa Família a receber a 4ª parcela do auxílio emergencial (ou o PBF para quem é mais vantajoso), com o final do NIS 0.

Como consultar auxílio emergencial

Todos os dados do auxílio emergencial podem ser consultados no site oficial da Caixa, na página específica do programa. Além disso, é possível realizar consultas no aplicativo. Após preencher os dados, os beneficiários tem acesso a situação cadastral e ao status.

Em cada lote de pagamentos, novas análises são feitas e auxílios podem ser cancelados. Para os que tiveram o auxílio suspenso, é possível realizar a contestação do mesmo, em que os dados são encaminhados novamente para a Dataprev.

Comentários
Carregando...

Este website usa cookies para melhorar sua experiência. Aceitar Leia Mais