CAIXA Tem libera PIX de R$ 150 para estas mulheres autorizadas

A Caixa Econômica Federal implementou um Pix de R$ 150 especificamente para mulheres em condição de vulnerabilidade socioeconômica. Feito em integração com o programa Bolsa Família, esse movimento visa não só auxiliar financeiramente, mas também reconhecer a importância das mulheres no núcleo familiar. Mais de 31 milhões de beneficiárias já foram alcançadas por esta iniciativa.

Esta ação se destina a mulheres chefes de família que já fazem parte do Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal (CadÚnico) e que se enquadram nos critérios de renda que definem a família como em situação de pobreza ou extrema pobreza. Além do critério financeiro, para usufruir do Pix de R$ 150 e outros benefícios do Bolsa Família, as famílias devem cumprir com contrapartidas sociais importantes, como garantir a frequência escolar de crianças e adolescentes e o acompanhamento de saúde para gestantes e lactantes.

Como funciona o Pix de R$ 150

Os R$ 150 fazem parte de uma série de benefícios proporcionados pela Caixa dentro do programa Bolsa Família, que inclui desde um apoio base de R$ 600 a outros auxílios específicos, como o Benefício Primeira Infância (BPI) de R$ 150 para crianças de até seis anos e benefícios especiais de R$ 50 para crianças e gestantes. 

A implementação do Pix de R$ 150 pela Caixa representa um gesto de valorização e um reconhecimento do papel vital das mulheres na estrutura familiar e, consequentemente, na sociedade. Veja:

  • Benefício de Renda de Cidadania: R$ 142 por membro familiar; 
  • Benefício Complementar: complementa o pagamento para famílias cujo total de benefícios não atinja o valor de R$ 600; 
  • Benefício Primeira Infância: disponibiliza R$ 150 mensais para cada criança de zero a sete anos; 
  • Benefício Variável Familiar: paga uma parcela extra mensal de R$ 50 para gestantes e jovens de 7 a 18 anos; 
  • Benefício Variável Familiar Nutriz: oferece um extra de R$ 50 para cada membro familiar com até sete meses de idade; 
  • Benefício Extraordinário de Transição: garante que nenhum beneficiário receba em quantidade inferior à concedida no Auxílio Brasil. Este benefício estará disponível até maio de 2025.

Calendário do Bolsa Família de abril

Os pagamentos do Bolsa Família de março já foram encerrados. No mês de abril, o governo federal distribui os pagamentos do programa com base no último dígito do Número de Identificação Social (NIS) de cada beneficiário. Confira os repasses:

  • NIS final 1: 17 de abril;
  • NIS final 2: 18 de abril;
  • NIS final 3: 19 de abril;
  • NIS final 4: 22 de abril;
  • NIS final 5: 23 de abril;
  • NIS final 6: 24 de abril;
  • NIS final 7: 25 de abril;
  • NIS final 8: 26 de abril;
  • NIS final 9: 29 de abril;
  • NIS final 0: 30 de abril.

A movimentação dos valores pode ser feita através do aplicativo Caixa Tem, disponível para Android e iOS.

Também é importante lembrar as obrigações das famílias beneficiadas pelo programa Bolsa Família. Elas devem cumprir condições nas áreas de saúde e educação, tais como: 

  • Frequência escolar para crianças e adolescentes de 4 a 17 anos; 
  • Acompanhamento pré-natal para gestantes; 
  • Monitoramento nutricional (peso e altura) de crianças de até sete anos; 
  • Adesão ao calendário nacional de vacinação.
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.