Benefício de R$ 600 + Cesta Básica Grátis disponível para estes NIS

Confira as datas de liberação dos recursos e os critérios de elegibilidade

Neste mês de março, o Bolsa Família vai conceder, além do benefício mínimo de R$ 600, uma cesta básica para os seus mais de 20 milhões de beneficiários. No entanto, cabe destacar que a liberação do segundo auxílio é feita pelas prefeituras e pelos governos estaduais, e não pelo Governo Federal, como é o caso do programa de transferência de renda.

Sendo assim, a distribuição e as regras variam de acordo com o município e o estado. Além disso, o valor também é diferente em cada cidade, uma vez que eles costumam ser pagos por meio de crédito em cartões. Dessa forma, as famílias atendidas podem escolher quais alimentos desejam comprar.

Cabe destacar que os valores do auxílio variam entre R$ 150 e R$ 300. Inclusive, a quantia costuma ser depositada na poupança social do Caixa Tem, assim como acontece com o Bolsa Família — caso não tenha o aplicativo instalado em seu smartphone, a recomendação é baixá-lo para não perder as novidades.

Como solicitar a minha cesta básica?

Para solicitar o auxílio em questão, a orientação é que o cidadão realize o pedido em uma unidade do Centro de Referência da Assistência Social (CRAS). No local, ele será orientado por um assistente sobre os critérios de elegibilidade para recebimento da cesta básica.

Além disso, é de suma importância estar com os dados no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal (CadÚnico) atualizados, bem como estar de acordo com todas as normas impostas pelo Ministério do Desenvolvimento e Assistência Social, Família e Combate à Fome (MDS). São elas:

  • 1. Realização do acompanhamento pré-natal;
  • 2. Garantir a frequência escolar mínima de jovens e adolescentes que ainda não terminaram o ensino básico;
  • 3. Acompanhamento do calendário nacional de vacinação;
  • 4. Acompanhar o estado nutricional (tamanho e peso) de crianças menores de sete anos.

Quando acontecem os repasses?

Como de praxe, a distribuição dos recursos é baseada no último dígito do Número de Identificação Social (NIS) de cada segurado, de forma escalonada. Vale lembrar que tanto o Bolsa Família quanto o valor concedido pela cesta básica são depositados em conjunto, facilitando os repasses. Dito isso, abaixo, confira as datas:

  • Beneficiários com NIS terminado em 1: pagamento no dia 15 de março (pago);
  • Beneficiários com NIS terminado em 2: pagamento no dia 18 de março (pago);
  • Beneficiários com NIS terminado em 3: pagamento no dia 19 de março;
  • Beneficiários com NIS terminado em 4: pagamento no dia 20 de março;
  • Beneficiários com NIS terminado em 5: pagamento no dia 21 de março;
  • Beneficiários com NIS terminado em 6: pagamento no dia 22 de março;
  • Beneficiários com NIS terminado em 7: pagamento no dia 25 de março;
  • Beneficiários com NIS terminado em 8: pagamento no dia 26 de março;
  • Beneficiários com NIS terminado em 9: pagamento no dia 27 de março;
  • Beneficiários com NIS terminado em 0: pagamento no dia 28 de março.

Fique ligado no Caixa Tem

A plataforma foi desenvolvida para facilitar o acesso de todos os brasileiros a serviços e transações bancárias. Por meio dela, o usuário tem uma conta digital gratuita para usar no dia a dia, permitindo mandar dinheiro via PIX, poupar, pagar contas e boletos, fazer recarga de celular, contratar seguro, pagar na maquininha, fazer empréstimos e saque sem cartão.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.