Kit 100% gratuito liberado para NIS 1, 2, 3, 4, 5, 6, 7, 8, 9 e 0

No entanto, é preciso seguir alguns critérios de elegibilidade

A forma como assistimos TV foi se modificando com o passar do tempo, visto os grandes avanços tecnológicos nos últimos anos. Neste sentido, visando melhorar a qualidade de transmissão, o sinal analógico vem sendo totalmente substituído pelo sinal digital.

Todavia, como bem sabemos, muitos ainda possuem modelos antigos de TVs. Porém, para que essa parcela da população continue desfrutando da programação televisiva, o governo brasileiro está disponibilizando gratuitamente o Kit Antena Digital, em especial para aquelas inscritas no Cadastro Único para Programas Sociais (CadÚnico).

Inclusive, para alegria de milhares de pessoas, o processo de solicitação do conjunto é bem simples. Nas próximas linhas, saiba como funciona o Kit Antena Digital, quem tem direito e o passo a passo de como solicitá-lo.

Garantindo a modernidade

Para quem não está familiarizado com a iniciativa, o Kit Antena Digital trata-se de um conjunto de dispositivos capazes de captar sinais de televisão em formato digital. O estojo é composto por uma antena projetada para receber as transmissões terrestres, adaptadores e cabos. Os equipamentos são fundamentais para sintonizar canais de TV de alta definição, proporcionando melhor qualidade de imagem e som para aparelhos compatíveis.

Portanto, o Kit Antena Digital chega como uma ótima oportunidade para as famílias que ainda possuem TVs analógicas e almejam seguir assistindo aos seus programas prediletos. Além disso, ele ajuda os cidadãos a migrarem dos sinais mais defasados para os mais novos, garantindo uma experiência de visualização mais nítida e, de quebra, uma variedade maior de canais gratuitos — a depender da cobertura e disponibilidade na região.

Composição do kit gratuito para TV

Os equipamentos cedidos pelo governo são itens fundamentais para a recepção do sinal digital. Abaixo, confira todos os itens inclusos:

  • 1 conversor digital;
  • 1 corpo de antena;
  • 1 fonte de alimentação;
  • Cabo RCA;
  • Varetas e suporte com mastro;
  • Parafusos, porcas e arruelas para instalação;
  • 8 metros de cabo coaxial;
  • Controle remoto com pilhas.

Quem pode recebê-lo?

Como mencionado há pouco, o Kit Antena Digital é concedido para as famílias inscritas no CadÚnico que possuem equipamentos antigos em funcionamento, como TVs analógicas. Portanto, é preciso que a renda familiar seja de até três salários mínimos, resida em uma das capitais brasileiras ou em uma cidade com mais de 500 mil habitantes. Sendo assim, é possível que segurados do Bolsa Família consigam solicitá-lo

Vale frisar que o estojo contendo os equipamentos é destinado exclusivamente para as famílias que atendam a esses critérios. Logo, caso não se enquadre nessas condições, só será possível adquirir um kit parecido em lojas de material de construção ou de produtos eletrônicos — tendo que investir do próprio bolso.

Como solicitar o meu?

Para receber o Kit Antena Digital na sua casa é muito simples e pode ser feito de forma totalmente online. Para se cadastrar, é preciso apresentar o Número de Identificação Social (NIS) e o CPF. Abaixo, veja os dois meios possíveis de solicitar o conjunto:

  • 1. Site Siga Antenado: acesse o portal e preencha os dados solicitados para fazer o pedido do seu Kit Antena Digital;
  • 2. Ligação para 0800 729 2404: disque este número e siga as orientações para solicitar os equipamentos.

Cabe destacar que, após realizar o pedido, o kit será entregue na residência informada no CadÚnico, conforme agendamento prévio feito durante o processo de solicitação.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.