MEIs podem comprovar renda desta forma para financiamento de imóvel

Surgindo como uma solução para os microempreendedores individuais (MEI), o financiamento imobiliário veio como uma forma desses trabalhadores chegarem à tão sonhada casa própria. A majoritária dificuldade de conseguir o benefício, devido à ausência da carteira assinada e aos obstáculos impostos pela burocracia, deu lugar à possibilidade de comprovação da renda por outros meios. Um comprovante de pagamento de imposto de renda ou os extratos bancários, por exemplo, podem servir como alternativa.

Além da comprovação de renda, algumas instituições financeiras podem impor que o MEI já esteja existindo há, no mínimo, seis meses. Documentos pessoais, como comprovante de residência e identificação, também costumam ser requeridos. Em alguns casos, as financeiras podem investigar se a empresa já está sólida no mercado, garantindo assim uma renda com poucas variações ao microempreendedor.

Acesso ao programa “Minha Casa, Minha Vida” para MEIs

Rompendo mais um obstáculo para os MEIs, também é possível o acesso ao programa Minha Casa, Minha Vida. As condições para o crédito variam conforme a faixa de renda do empreendedor. Portanto, é importante que ele esteja atento aos critérios disponibilizados para participação no programa. Lembrando que além da renda, o limite do valor dos imóveis também deve ser respeitado.

As condições para participação no programa são estabelecidas de acordo com a renda do MEI. Veja:

Requisitos da Faixa 1

  • Renda mensal de até R$ 2.640;
  • Estar inscrito no CadÚnico;
  • Não estar inserido em nenhum outro programa habitacional;
  • Financiamento de imóveis de até R$ 190 mil.

Requisitos da Faixa 2

  • Renda mensal de até R$ 4.400, com comprovação de renda;
  • Ser a primeira compra de imóvel;
  • Não ter nenhum financiamento ativo pelo Sistema Financeiro da Habitação (SFH);
  • Não ter usado o FGTS como financiamento imobiliário nos últimos 5 anos;
  • Morar na cidade em que esteja o imóvel desejado;
  • Não vender o imóvel durante o tempo de financiamento;
  • Utilizar o bem somente para fins residenciais;
  • Ter a soma da idade do microempreendedor e do tempo de financiamento com resultado inferior a 80 anos, 5 meses e 29 dias;
  • Financiamento de imóveis até R$ 190 mil.

Requisitos da Faixa 3

  • Renda mensal de até R$ 8 mil;
  • Financiamento de imóveis de até R$ 350 mil;
  • Demais requisitos iguais aos da Faixa 2.
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.