Adicionais do Bolsa Família vão surpreender beneficiários em março

Neste mês de março, inúmeras famílias que recebem o Bolsa Família, programa que tem sido uma importante fonte de auxílio e esperança para vários brasileiros, poderão contar com valores adicionais ao comum de R$ 600. Desde que estejam dentro dos critérios estabelecidos, estas famílias terão o suporte necessário para assegurar não só sua segurança alimentar, mas também seu desenvolvimento socioeconômico sustentável.

Estamos avançando em 2024, e o programa Bolsa Família tem evoluído, assim como as necessidades das famílias atendidas por ele. Para este mês de março, uma série de benefícios adicionais estão disponíveis, oferecendo complementos à renda dessas famílias.

Benefícios adicionais detalhados

Todos os benefícios do Bolsa Família são regulamentados por critérios específicos de elegibilidade e requerem que a família mantenha o CadÚnico atualizado. Além do Auxílio Gás, os beneficiários podem receber:

  • Benefício de Renda de Cidadania: R$ 142 por membro familiar; 
  • Benefício Complementar: complementa o pagamento para famílias cujo total de benefícios não atinja o valor de R$ 600; 
  • Benefício Primeira Infância: disponibiliza R$ 150 mensais para cada criança de zero a sete anos; 
  • Benefício Variável Familiar: paga uma parcela extra mensal de R$ 50 para gestantes e jovens de 7 a 18 anos; 
  • Benefício Variável Familiar Nutriz: oferece um extra de R$ 50 para cada membro familiar com até sete meses de idade; 
  • Benefício Extraordinário de Transição: garante que nenhum beneficiário receba em quantidade inferior à concedida no Auxílio Brasil. Este benefício estará disponível até maio de 2025.

Auxílio Gás 

Além destes benefícios, vale a pena mencionar que o Auxílio Gás, adicional que fornece cerca de R$ 100 para pelo menos seis milhões de famílias, não será pago em março. Por se tratar de um pagamento bimestral, o próximo está previsto para abril.

Datas para pagamento do Bolsa Família em março

O calendário de pagamentos do Bolsa Família para março de 2024 foi organizado como os anteriores, com base no último dígito do Número de Identificação Social (NIS) de cada beneficiário:

  • Para beneficiários com NIS terminando em 1: 15 de março.
  • Para beneficiários com NIS terminando em 2: 18 de março.
  • Para beneficiários com NIS terminando em 3: 19 de março.
  • Para beneficiários com NIS terminando em 4: 20 de março.
  • Para beneficiários com NIS terminando em 5: 21 de março.
  • Para beneficiários com NIS terminando em 6: 22 de março.
  • Para beneficiários com NIS terminando em 7: 25 de março.
  • Para beneficiários com NIS terminando em 8: 26 de março.
  • Para beneficiários com NIS terminando em 9: 27 de março.
  • Para beneficiários com NIS terminando em 0: 28 de março.

Como se inscrever no Bolsa Família

Para se inscrever no programa, primeiro é necessário estar cadastrado no CadÚnico, feito no Centro de Referência de Assistência Social (CRAS) mais próximo, levando documentos pessoais e comprovante de residência. Após o cadastro, o Ministério do Desenvolvimento Social avaliará se a família está dentro dos critérios de renda do programa.

Obrigação dos beneficiários

É importante ressaltar as obrigações das famílias beneficiadas pelo programa Bolsa Família. Elas devem cumprir condições nas áreas de saúde e educação, tais como: 

  • Frequência escolar para crianças e adolescentes de 4 a 17 anos; 
  • Acompanhamento pré-natal para gestantes; 
  • Monitoramento nutricional (peso e altura) de crianças de até sete anos; 
  • Adesão ao calendário nacional de vacinação.
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.