Não perca 2º lote do saque extraordinário de R$ 1.412

Confira as datas e não perca o dinheiro do qual você tem direito

A Caixa Econômica Federal (CEF) e o Banco do Brasil (BB), no dia 15 de março, vão iniciar os pagamentos do PIS/Pasep 2024 aos trabalhadores que têm direito ao benefício. Neste mês, são contemplados os profissionais nascidos em fevereiro.

Cabe destacar que o abono salarial vai de R$ 118 a R$ 1.412, variando de acordo com os meses trabalhados durante o ano-base 2022. O cronograma de repasse vai até agosto deste ano, mas os valores podem ser sacados até o dia 27 de dezembro.

Em 2024, o calendário de pagamento do PIS/Pasep foi unificado e será feito pelo mês de nascimento dos profissionais. Anteriormente, servidores públicos recebiam os valores de acordo com número final de inscrição no Pasep.

Ao todo, R$ 28 bilhões serão destinados para o pagamento, abrangendo 25 milhões de trabalhadores, sendo 22 milhões do setor privado e 2,9 milhões servidores públicos. No ano passado, foram pagos R$ 25 bilhões para 24,5 milhões de profissionais.

Confira o calendário do PIS/Pasep em 2024

Mês de nascimento do trabalhadorLiberação do pagamentoPrazo final para sacar o PIS/Pasep
Janeiro15 de fevereiro de 202427 de dezembro de 2024
Fevereiro15 de março de 202427 de dezembro de 2024
Março e abril15 de abril de 202427 de dezembro de 2024
Maio e junho15 de maio de 202427 de dezembro de 2024
Julho e agosto17 de junho de 202427 de dezembro de 2024
Setembro e outubro15 de julho de 202427 de dezembro de 2024
Novembro e dezembro15 de agosto de 202427 de dezembro de 2024

Quem pode receber o abono em 2024?

Tem direito ao PIS/Pasep os trabalhadores que:

  • 1. Aqueles que estão cadastrados no programa PIS/Pasep há pelo menos cinco anos;
  • 2. Tenham trabalhado de carteira assinada por, no mínimo, 30 dias, consecutivos ou não, no ano de 2022;
  • 3. Recebido, no ano-base 2022, média salarial de até dois salários mínimos;
  • 4. O empregador informou corretamente os dados do funcionário no Relatório Anual de Informações Sociais (RAIS) no ano de referência (2022).

Como serão feitos os pagamentos?

O pagamento do Programa de Integração Social (PIS) é feito pela CEF a trabalhadores da iniciativa privada que têm carteira assinada. O montante é liberado automaticamente para quem é cliente da instituição financeira, conforme o mês de nascimento do profissional. Os demais contemplados receberão na poupança social digital movimentada pelo Caixa Tem.

Neste mês de março, serão pagos R$ 1,9 bilhão aos trabalhadores nascidos em janeiro. Os valores do abono salarial variam de acordo com a quantidade de dias trabalhados durante o ano-base, que é 2022.

Já o Programa de Formação do Patrimônio do Servidor Público (Pasep) é pago pelo BB a servidores públicos que atuaram no ano-base de 2022. A liberação dos montantes ocorre conforme o número final de inscrição do servidor público.

O cronograma vai de fevereiro a agosto, com data-limite para o saque em 27 de dezembro. Correntistas do Banco do Brasil recebem direto na conta. Os demais devem procurar uma agência bancária para sacar o dinheiro.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.