Estas 5 multas altas sempre pegam os motoristas de surpresa

No Brasil, as leis de trânsito passam por constantes atualizações, para se adequarem à realidade dos condutores e, com isso, garantir a segurança nas vias. Contudo, muitos motoristas, principalmente os mais antigos, acabam se desatualizando das normas e cometem infrações que, muitas vezes, desconhecem. 

Entender as regras de trânsito e se manter atualizado sobre as mesmas é essencial para garantir não só a segurança nas vias, mas também para evitar surpresas desagradáveis, como multas inesperadas. Portanto, é aconselhável que o motorista procure sempre se manter informado e atualizado, garantindo uma condução segura e responsável.

Infrações pouco conhecidas

Grande parte dos condutores já está familiarizado com as infrações mais comuns, tais como ultrapassar o semáforo no sinal vermelho, não utilizar o cinto de segurança ou dirigir sob influência de álcool. No entanto, existem algumas regras que escapam do conhecimento geral e que também podem resultar em penalizações. Veja algumas delas:

Uso inadequado da buzina

Embora a buzina seja um recurso importante para chamar a atenção em situações de trânsito, seu uso deve ser moderado. O Código de Trânsito Brasileiro (CTB) considera infração leve o uso abusivo da buzina, seja de forma prolongada ou sucessiva sem necessidade.

Desrespeito aos pedestres em dias chuvosos

Não só na chuva, mas é imprescindível ter cuidado com os pedestres em qualquer situação. No entanto, durante a chuva, jogar água ou detritos nos pedestres ao passar por poças pode render multa média de R$ 130,16 e quatro pontos na carteira.

Estacionar de forma incorreta

Estacionar nas esquinas ou a menos de cinco metros do bordo do alinhamento da via transversal é considerado infração pelo CTB, e a multa pode variar de acordo com a situação do trânsito no momento da infração.

“Cantar pneu”

Para os amantes de velocidade, “cantar pneu” pode sair caro. A exibição de manobras perigosas, seja através de arrancada brusca, derrapagem ou frenagem com deslizamento ou arrastamento de pneus, é considerada infração gravíssima, com multa multiplicada por 10, além da suspensão do direito de dirigir e apreensão do veículo.

Dirigir sem óculos ou aparelho auditivo

Para os motoristas que necessitam de óculos ou aparelho auditivo, é preciso atenção redobrada. A falta desses equipamentos durante a condução pode acarretar em infração gravíssima.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.