Veja como solicitar informe de rendimentos para declarar Imposto

Fique atento ao prazo e não deixe o envio do documento para depois

Na última quinta-feira (29), encerrou-se o prazo para que companhias e instituições financeiras enviassem o informe com os rendimentos referentes ao ano de 2023 para seus funcionários.

O prazo se aplica para bancos e corretoras de valores, que são obrigadas a disponibilizar o documento que compete aos rendimentos de aplicações financeiras. Cabe salientar que a disponibilização dos informes é obrigatória e pode ser feita pelo correio ou de forma digital, via e-mail, internet ou intranet.

Entretanto, caso o prazo não seja cumprido, o contribuinte pode tomar algumas ações para não ter problemas com a Receita Federal se não tiver acesso a todas as informações necessárias. Abaixo, você confere todos os detalhes.

Imposto de Renda 2024: o que fazer caso eu não receba o informe de rendimentos?

Nos casos em que o contribuinte não recebe os informes no prazo, a orientação é que procure o setor de recursos humanos da companhia ou o gerente da instituição financeira. Se o atraso continuar, o Fisco pode ser acionado. Em situações onde são constatados erros ou divergência de dados, é preciso solicitar um novo documento corrigido.

Até quanto posso enviar a minha declaração?

Se os dados necessários não forem enviados corretamente até 31 de maio deste ano — último dia do período das declarações —, o contribuinte não precisa perder o prazo. Inclusive, é possível enviar uma versão preliminar da declaração e depois fazer uma declaração retificadora.

De acordo com Diego Zacarias dos Santos, head de auditoria e regulatória da Contabilizei, a legislação vigente destaca que não há outro documento que possa substituir o informe de rendimentos. No entanto, caso não receba o informe a tempo, a Receita Federal orienta a consultar e utilizar o informe de rendimentos disponibilizado no Portal e-CAC, mediante login na conta gov.br. Para isso, é preciso que a conta possua o selo de confiabilidade nível prata ou ouro.

Além disso, a recomendação é que o funcionário solicite o documento formalmente, via e-mail, para permitir que a companhia que tenha falhado na obrigação se movimente para entregá-lo o quanto antes.

Para que serve o comprovante de rendimentos?

O informe de rendimentos trata-se de um documento no qual informa-se os valores recebidos no período de um ano, compreendido entre o dia 1º de janeiro e 31 de dezembro, por uma pessoa física. Sua emissão tem como finalidade fazer a declaração de Imposto de Renda Pessoa Física (IRPF).

O público alvo são servidores aposentados e pensionistas atendidos pela Diretoria de Centralização de Serviços de Inativos, Pensionistas e Órgãos Extintos (Decipex) — você pode realizar a consulta clicando neste link.

Vale ressaltar que a emissão do comprovante de rendimentos pode ser feita pelo aplicativo Sou Gov.br (disponível para Android e iOS) ou solicitada por meio do portal Gov.br. No segundo caso, é possível, também, realizar consultas, downloads e compartilhamentos dos rendimentos anteriores.

Para aqueles que possuem mais de um vínculo, a emissão do documento pode ser realizada pelo app Sou Gov.br, alterando o vínculo. Abaixo, confira o passo a passo:

  • 1. Acesse o Sou Gov.br;
  • 2. Na tela inicial, vá em “Autoatendimento” e selecione “Rendimentos IRPF”;
  • 3. Feito isso, será exibido o último comprovante disponível.
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.