Consumo das famílias no Brasil avança 1,1% no 3º trimestre de 2023

O IBGE fez uma análise do consumo no Brasil no ultimo trimestre de 2023 e identificou um aumento. O indicador representa 60% do PIB

No terceiro trimestre de 2023, foi observado um aumento de 1,1% no consumo das famílias no Brasil em comparação com o trimestre anterior, conforme informações divulgadas pelo IBGE no início de dezembro, referentes ao Produto Interno Bruto (PIB).

O indicador, representando 60% do PIB na perspectiva da demanda, registrou uma leve aceleração em comparação com o segundo trimestre, quando a variação foi de 0,9%. Rebeca Palis, coordenadora de Contas Nacionais do IBGE, ressaltou que essa ligeira aceleração pode ser atribuída ao mercado de trabalho em expansão e aos programas de transferência de renda, como o Bolsa Família.

Consumo no Brasil

O aprimoramento no padrão de consumo das famílias é resultado de elementos como os programas governamentais de transferência de renda, a persistente reabilitação do mercado de trabalho, a diminuição da inflação e a expansão do crédito. Contudo, obstáculos persistem, notadamente devido às taxas de juros elevadas e ao endividamento das famílias. Destaca-se ainda a diminuição no consumo de bens duráveis durante esse intervalo de tempo.

Durante o terceiro trimestre, ocorreram mudanças significativas na dinâmica econômica, evidenciadas pelos seguintes pontos:

Emprego e Massa Salarial

  • Houve um aumento na quantidade de pessoas empregadas e na massa salarial, mesmo com as taxas de juros mantendo-se elevadas a 12,25% ao ano.
  • Apesar do Banco Central ter iniciado o ciclo de redução da Selic em agosto, os efeitos desse relaxamento ainda não se manifestaram de maneira imediata.

Investimentos

  • Os investimentos apresentaram uma diminuição expressiva, registrando uma queda de 2,5% durante este trimestre em comparação a uma variação de -0,3% no trimestre anterior.
  • Esse declínio é associado à política monetária contracionista, evidenciada pela redução nas atividades de construção e na produção e importação de bens de capital.

Taxa de Poupança: A taxa de poupança nacional atingiu 15,7% no último trimestre de 2023, conforme revelado pelos dados do IBGE.

Consumo e Comércio Exterior

  • Na perspectiva da demanda, observou-se um incremento de 0,5% no consumo do governo durante o terceiro trimestre em comparação ao segundo.
  • As exportações apresentaram um crescimento significativo de 3%.
  • Por outro lado, as importações experimentaram uma redução de 2,1%.

“Mercado da Maioria”

Outro levantamento conduzido pela PwC Brasil e pelo Instituto Locomotiva trouxe à tona características marcantes das classes C, D e E no Brasil, que representam 76% da população. O estudo intitulado “Mercado da Maioria” evidenciou que esse grupo de consumidores enxerga o ato de consumir como uma realização e esforço individual, com 61% mencionando empenho para adquirir produtos e serviços além de suas condições financeiras.

O enfoque em aspectos ESG (ambientais, sociais e de governança) e a responsabilidade social também ganharam proeminência, com 86% dos consumidores demonstrando disposição para priorizar marcas com propósito, e 53% indicando que deixariam de comprar de marcas que não demonstram responsabilidade social.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.