Quando posso solicitar o saque-aniversário do FGTS em dezembro?

Recentemente, a Caixa Econômica Federal revelou quando os trabalhadores poderão solicitar o saque-aniversário no último mês de ano

Na semana passada, a Caixa Econômica Federal (CEF) depositou na conta de mais um grupo a parcela que compete ao saque-aniversário do Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS). Terminando, assim, o prazo para que os nascidos no mês de novembro recebam em 2023.

Agora, nesta sexta-feira (1°), começa uma nova rodada de pagamentos, agraciando aqueles que optaram pelo saque-aniversário e nasceram no mês de dezembro. Abaixo, veja como vai funcionar os repasses concedidos pelo FGTS:

  • 1. Nascidos em dezembro: podem receber o montante no dia 1°; caso tenham optado por incluir o depósito daquele mês, receberão a quantia a partir do dia 10.
  • 2. Nascidos em outubro ou novembro: ainda podem receber em dezembro, mas, para isso, precisam ter optado pelo saque-aniversário dentro do prazo determinado pela autarquia.

A mesma regra vale para quem nasceu em dezembro e ainda não optou pelo saque-aniversário. Ou seja, a troca deve ser feita até o dia 31 para conseguir receber ainda em 2023. Caso contrário, o dinheiro será liberado apenas em 2024. Por fim, vale destacar que o dinheiro é transferido direto na conta de quem já cadastrou seus dados bancários.

Detalhes sobre o processo de solicitação

Como você já deve ter notado, o pedido de retirada do FGTS é liberado pelo Governo Federal no primeiro dia útil do mês e segue em aberto até o último dia útil. Para facilitar o procedimento, a solicitação pode ser feita online, dispensando assim a necessidade de deslocamento até uma agência da Previdência Social. Com isso em mente, veja alguns detalhes sobre o saque-aniversário do Fundo de Garantia:

  • 1. A adesão pode ser feita tanto pelo site, quanto pelo aplicativo do FGTS (disponível para Android e iOS), ficando a critério do beneficiário. Todavia, o processo é bem similar em ambos os casos.
  • 2. Após fazer o login na plataforma, o trabalhador deverá pesquisar pela guia “saque-aniversário”;
  • 3. Feito isso, será preciso ler os termos e condições de adesão (leia atentamente);
  • 4. Vale frisar que, ao optar pela modalidade em questão, o trabalhador abre mão de realizar o saque completo do Fundo em caso de demissão sem justa causa, tendo direito apenas ao valor da multa rescisória de 40%;
  • 5. Porém, caso concorde com o termo, será preciso informar que está de acordo;
  • 6. Ao firmar o acordo, ele poderá receber parte dos valores do Fundo anualmente durante o mês do seu aniversário.

Garantia do FGTS

Outra opção de pedido é o pedido de empréstimo com garantia do FGTS. Nesta modalidade, o crédito levará em conta o valor que o trabalhador possui em saldo. Para tal, será preciso buscar uma instituição financeira que realize a oferta. Depois, após analisar as condições oferecidas, ele deverá liberar a consulta do seu saldo pelo banco.

Vale mencionar que o trabalhador precisará autorizar o procedimento. Para isso, basta ir em “Autorizar bancos a consultar meu saldo”. Na página seguinte, selecione a opção “Empréstimo saque-aniversário”. Por fim, busque o banco escolhido e libere o acesso. Realizando estas etapas, o interessado deverá firmar o contrato com a instituição financeira para poder ser contemplado com o dinheiro.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.