MEI terá Direito ao Bolsa Família de Novembro?

Descubra se o Microempreendedor Individual também poderá receber o Bolsa Família em novembro.

A entrada de novos beneficiários no Bolsa Família é realizada através da análise dos critérios atendidos pelas famílias. Dessa forma, as famílias que, através dos dados informações durante o Cadastro Único, cumprirem os requisitos necessários serão beneficiadas pelos repasses mensais.

É importante ressaltar que a principal regra para ter direito ao pagamento é o limite de renda. Contudo, isso não significa que a família que possui um MEI, Microempreendedor Individual, ou tem um integrante com carteira assinada, não poderá receber os depósitos.

A renda mensal por pessoa, isto é, quanto você e sua família ganham por mês, dividido pelo número de integrantes da casa, será muito importante para a liberação do benefício, o que não impede dos valores serem recebidos por famílias com integrantes em emprego formal, por exemplo.

Como receber o Bolsa Família?

Para ter direito ao benefício social, a principal regra é que a família possua renda mensal de, no máximo, R$ 218 por pessoa. Além disso, também é necessário estar inscrito no Cadastro Único, com os dados corretos e atualizados.

O cadastramento é realizado em postos de atendimento da assistência social dos municípios, como em um CRAS mais próximo da sua residência. Para se cadastrar, é preciso apresentar o CPF ou o título de eleitor. Confira alguns dos benefícios liberados através da inscrição no Cadastro Único:

  • BPC – Benefício de Prestação Continuada; 
  • Auxílio Gás; 
  • Bolsa Família; 
  • Minha Casa, Minha Vida; 
  • Identidade Jovem (ID Jovem); 
  • Isenção da taxa de inscrição do Enem; 
  • Tarifa Social de Energia Elétrica; 
  • Programas Cisternas; 
  • Carteira do Idoso; 
  • Aposentadoria para Pessoas de Baixa Renda; 
  • Telefone Popular; 
  • Isenção de Pagamento da Taxa de Inscrição em Concursos Públicos; 
  • Crédito Instalação; 
  • Carta Social; 
  • Serviços Assistenciais; 
  • Programa Brasil Alfabetizado; 
  • Programa de Fomento às Atividades Produtivas Rurais/ Assistência Técnica e Extensão Rural; 
  • Programa Nacional de Reforma Agrária; 
  • Programa Nacional de Crédito Fundiário; 
  • Programa de Erradicação do Trabalho Infantil (Peti); 
  • Água para Todos; 
  • Bolsa Verde (Programa de Apoio à Conservação Ambiental); 
  • Bolsa Estiagem. 
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.