Bolsa Família: Nova análise na Dataprev para a 7ª parcela do Auxílio

A analise da Dataprev para aprovação do recebimento da 7ª parcela do Auxílio Emergencial deve sair até o fim desta semana.

Os resultados são divulgados no próprio site da empresa pública junto com a explicação de reprovação, nos casos em que os cidadãos não são aprovados.

Em todas as parcelas do recurso de emergência concedido pelo Governo Federal, o cadastro do beneficiário é avaliado. O objetivo é comprovar que o cidadão tem o direito ao recebimento.

O mês de outubro foi informado como o último de pagamento do beneficio que vem sendo estendido desde abril de 2020, após a crise econômica da pandemia do coronavíus.

ATUALIZAÇÃO DO CADASTRO ÚNICO, VOLTA DOS 600 E FUTURO DO AUXÍLIO EMERGENCIAL

O que é a Dataprev?

Trata-se de um sistema de tecnologia e informação da previdência, vinculado ao Ministério da Cidadania.

Significa que a Dataprev é responsável pela gestão de base dos dados sociais dos brasileiros, bem como os contribuintes do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS).

Serviços da Dataprev

Mantém o sistema online que faz a liberação do seguro-desemprego;

Processa informações previdenciárias da Receita Federal do Brasil;

É responsável pelas funcionalidades dos programas de atendimento ao publico, como Agências da Previdência Social e Sistema Nacional do Emprego (Sine).

Comando o Cadastro Nacional de Informações Sociais (CNIS), auxiliando na concessão automática dos direitos sociais, como aposentadorias ou salário-maternidade.

Como fazer a consulta da análise do Auxílio Emergencial?

Acessar a página do Auxílio Emergencial;

Informar o nome completo;

Informar o nome da mãe;

Preencher a data de nascimento;

Clicar no botão “Enviar”.

Posso recorrer se tiver a 7ª parcela negada?

Sim. Caso no momento da consulta na Dataprev, o cidadão se deparar com a sua análise cancelada, basta clicar no botão “contestar”. Desta forma, o cadastro será reanalisado e as informações serão enviadas para  o Ministério da Cidadania.

No entanto, não há um prazo para a nova revisão do cadastro do beneficiário. E, vale destacar que em alguns motivos específicos, existe o risco de não haver possibilidade contestação.

Comentários
Carregando...

Este website usa cookies para melhorar sua experiência. Aceitar Leia Mais