884 mil famílias aguardam o resultado da contestação do auxílio emergencial 2021

Após realizar corte de 17,6 milhões de beneficiários do auxílio emergencial em 2021, Governo vê fila de contestações crescer.

0

Com 1,041 milhão de contestações apresentadas no primeiro mês de pagamento, o auxílio emergencial 2021 continua com filas de beneficiários que aguardam um parecer final sobre suas análises. 155 mil contestações foram avaliadas, porém número representa a fração menor de recursos.

Ao todo, 1.040.764 contestações foram apresentadas após o resultado da análise da primeira parcela do auxílio. Nesta sexta, 21, mais de um mês após o início do pagamento da primeira parcela – e com o calendário vigente da segunda – 884 mil famílias aguardam o resultado das contestações.

Em nota, o Ministério da Cidadania esclareceu: “as contestações dos demais lotes estão em processamento e o resultado será divulgado em breve”.

Resultado das contestações

Sem determinar um prazo, o Ministério da Cidadania prepara novos lotes de resultados das contestações, sendo que aqueles que tiverem o auxílio deferido, precisarão de um novo calendário para receberem as parcelas retroativas, que não foram pagas devido a demora para a reavaliação dos cadastros.

Além disso, esse número pode aumentar. Segundo a Medida Provisória nº. 1.039/2021, que estabeleceu o auxílio emergencial 2021, todas as parcelas deve ter uma análise atualizada e específica, fazendo com que beneficiários que receberam a primeira parcela possam ter bloqueios nas parcelas seguintes.

Cada parcela, após o resultado das análises, oferece a opção de contestação para os beneficiários que não foram aprovados.

Vale ressaltar que apenas passam por análise da 2ª, 3ª ou 4ª parcelas aqueles que receberam todas as anteriores respectivamente. Para ter a segunda parcela analisada, beneficiários que aguardam o resultado da contestação da primeira parcela precisarão ter paciência.

Após a divulgação do resultado, será necessário aguardar uma nova análise para a avaliação da parcela seguinte. Cada contestação tem resultado efetivo apenas em referência a parcela em vigor.

Calendário auxílio emergencial 2021

O calendário do Auxílio Emergencial 2021 está em fase de pagamento da segunda parcela do benefício. Estão vigentes calendários para o público em geral (cadastro único e oriundos de aplicativos da Caixa) e também para o público do Bolsa Família.

Neste calendário, aqueles que recorreram da decisão de bloqueios na primeira parcela, e que já tenham recebido o resultado positivo da contestação, recebem parcelas dobradas (referente ao calendário vigente e ao benefício retroativo da primeira parcela).

Comentários
Carregando...

Este website usa cookies para melhorar sua experiência. Aceitar Leia Mais