Mães chefe de família vão receber duas cotas no novo Auxílio Emergencial? Entenda!

Mães chefe de família (mães solteiras) receberão duas cotas do Bolsa Família ou do novo Auxílio Emergencial 2021? Entenda a polêmica!

0

Infelizmente no Brasil são muitos os casos de mulheres que abandonadas por seus maridos quando tem um filho. Esse ato de irresponsabilidade faz com que essas guerreiras tenham que arcar com os gastos de suas casas, muitas vezes sozinhas para sustentar seus filhos.

Para ajudar essas bravas mulheres, o governo federal costuma oferecer condições especiais nos seus benefícios, pois elas necessitam de mais dinheiro. Porque, muitas vezes não possuem mais ninguém em casa apto a trabalhar para obter renda, logo precisam dar conta de todos os gastos familiares sozinhas.

Muitos benefícios são atualizados conforme o ano passa, por isso muitas dessas pessoas possuem interesse em saber como ficou a situação do Bolsa Família para as mães chefes de família. E como vai ficar em relação ao novo auxílio emergencial que está para ser aprovado.

Buscando esclarecer essas questões decidimos escrever esse texto, onde explicaremos melhor sobre o assunto. A seguir você entenderá como as chefes de famílias podem obter os seus direitos e terem menos trabalho para levar comida para dentro de casa.

Mães chefes de família: Bolsa Família

Em 2020 as mães chefes de família contempladas com o auxílio emergencial receberam um valor dobrado do benefício. Ou seja, enquanto outros beneficiários receberam 5 parcelas de R$ 600, as mães chefes de família receberam R$ 1.200,00. O mesmo aconteceu quando o auxílio foi estendido e foram pagos R$ 300,00 por mês, as chefes de família receberam R$ 600,00.

bolsa familia maes chefe de familia

Mas, como não houve a prorrogação do auxílio emergencial, as famílias deverão voltar a receber o benefício Bolsa Família. Que é um benefício pago às pessoas em situação de extrema pobreza ou miséria.

Infelizmente, agora as chefes de família terão que voltar a lidar com o problema da pandemia do Covid-19. De fato, somente com o valor do Bolsa Família, que costuma ser bem inferior ao que era o auxílio emergencial, fica difícil sobreviver.

Contudo, pelo menos uma medida para economizar tempo foi implementada, que foi a permissão de sacar o Bolsa Família através do Caixa Tem. Isso permite que você movimente valores através do aplicativo, contudo, pegar o valor através dele não é obrigatório.

Também é válido ressaltar que o Bolsa Família deve sofrer um reajuste. Que segundo o governo deve elevar o valor médio do Bolsa Família de R$ 190,00 para R$ 200,00. Assim, deve ajudar pelo menos um pouco as famílias beneficiadas.

Mães chefe de família: Novo Auxílio Emergencial

O novo auxílio emergencial, que o governo pretende colocar o nome de BIP (Bônus de Inclusão Produtiva), ainda possui poucas informações sobre. O que se sabe é que o governo possui o desejo que esse benefício tenha o valor máximo de R$ 200,00.

Se levarmos em consideração que no auxílio emergencial anterior as mães chefes de família recebiam o valor dobrado, nesse caso elas receberão R$ 400,00. Um valor mais aceitável levando em conta a situação caótica existente no Brasil.

Contudo, isso ainda está no ramo da especulação, pois nem mesmo o governo sabe direito o que fará com o benefício. Até mesmo a inclusão de beneficiários do Bolsa Família foi debatida. A tendência é de que o Bolsa Família realmente entre no auxílio emergencial 2021, porém as mães solteiras ainda são uma incógnita.

Cogita-se, como medida de economia, pagar apenas uma cota para as mães solteiras e limitar o número de benefícios por grupo familiar (provavelmente, no máximo dois).

Comentários
Carregando...

Este website usa cookies para melhorar sua experiência. Aceitar Leia Mais